Conheça os principais custos para se ter um Sistema ERP

Tempo estimado de leitura: 2 minutos.

Muitas vezes você deve ter refletido sobre quando custa um ERP, não é mesmo? Geralmente, é de imaginar que o sistema é muito caro o que faz vocês “deixarem para lá” a ideia de contratar um ERP para ajudar na gestão empresarial.

Ao contrário do que acontecia há alguns anos atrás, as planilhas do Excel e as agendas de papel não são mais suficientes para o controle da sua empresa, pois são diversas informações que quando divididas em vários locais, elas podem acabar sendo perdidas.

Se você ainda pensa em contratar um sistema de gestão para facilitar o dia a dia e ter um maior controle sobre o gerenciamento da sua empresa, mas ainda possuí algumas dúvidas relevantes sobre o ERP, continue acompanhando no post, onde hoje falaremos um pouco dos principais custos em ter um ERP. Lembrando à vocês que esse post fala dos custos em geral, ao final do mesmo falaremos do X-ERP! Confira com a gente!


1 – Implementação

Para que o sistema de ERP seja implementado e sua empresa, é necessário que se tenha a presença de profissionais qualificados, estes, precisarão ficar na empresa para a realização da instalação do software.

Como os sistemas de ERP são complexos, talvez haja uma necessidade de atualizar os sistemas operacionais, atualizar ou mudar os servidores da empresa e ainda, caso haja necessidade, adquirir novas máquinas para que aguente todo esse processo e consiga executar suas funções.


2 – Licença de uso

Quando você começa a pensar em quanto custa ter um ERP, você precisa considerar que também á alguns custos de licença de uso do software. O valor cobrado para obter essa licença depende do contrato que será feito com a empresa contratada para implementação do ERP.

Neste caso, existem duas opções: ou você compra uma licença vitalícia do software, desta forma ele fica pertencendo à empresa e poderá ser utilizado por tempo indeterminado, ou tem que pagar um valor mensal ou anual para poder utilizar o sistema. Já no segundo caso, depois do vencimento do contrato, é possível renová-lo por mais tempo ou perde o direito de usar o programa.


3 – Treinamento para colaboradores

Ao implementar um sistema de gestão empresarial, muitas pessoas podem ter dificuldades em usá-lo. Por isso, é indicado que todos os membros da equipe passem por um treinamento completo para que possam aprender a operar o sistema.

O valor do treinamento vai depender do número de colaboradores que serão treinados, de quanto tempo será necessário para que os mesmos aprendam a utilizar o sistema e da quantidade de módulos contratados. Ou seja, se você contratou um sistema completo de gestão, o valor do treinamento será maior do que se você escolher apenas um ou dois módulos.


4 – Manutenção e suporte

Para que um sistema de ERP funcione corretamente, não basta que ele seja apenas instalado e que os colaboradores saibam usá-lo. Ele vai precisar de manutenção constante, pois é um software como qualquer outro e podem haver erros no sistema que precisam ser reparados.

Além do mais, um ERP é um sistema complexo e mesmo que haja um treinamento completo, os colaboradores podem ainda ter dúvidas no dia a dia, por isso, a maioria das empresas responsáveis pela implementação desse sistema disponibilizam serviços de suporte, muita das vezes pode ser cobrado ou ter o valor incluso no aluguel do sistema.


5 – Customização

A maioria das empresas têm softwares prontos, mais isso não quer dizer que você não possa adequá-lo ao seu modelo de negócio, no entanto, você deve pensar em quanto custa um ERP personalizado, pois caso você precise deste serviço, o valor do sistema sofrerá algumas alterações.

Obviamente, não estamos falando que os valores serão exorbitantes e que não vale a pena, pois quanto mais adequado o sistema for a sua empresa, melhor ele irá atendê-lo. O valor dessa personalização do sistema vai depender da quantidade de ajustes necessários, customizá-lo de uma vez só não é a única opção, você ainda pode solicitá-la à medida que se tornem necessárias.


6 – Custo por número de usuários

Será uma influencia nos custos de aquisição do sistema ERP o número de colaboradores que vão utilizar o mesmo, pois essa cobrança se deve à quantidade de usuários ativos e pode ser uma boa alternativa para as empresas de pequeno porte, que não possuem uma equipe extensa de colaboradores.


7 – Atualizações

 Além das funcionalidades citadas acima, existe o custo das atualizações. Por mais que o sistema seja moderno, pode acontecer que daqui algum tempo ele comece a ficar desatualizado, então precisará passar por atualizações para melhor atender seu negócio.


Mas afinal, quanto custa um Sistema ERP?


Tudo vai depender do tamanho da sua empresa e de um conjunto de fatores já falados anteriormente. Você poderá encontrar no mercado sistemas que custam entre R$19,00 até mais que R$5.000,00, isso é apenas uma estimativa. Irá variar de acordo com a necessidade da sua empresa.

Antes de contratar um ERP, você deverá pensar nas reais necessidades da sua empresa, depois disso, efetuar uma pesquisa para conhecer os modelos disponíveis no mercado até encontrar um que melhor se adapta as suas exigências.

O ideal é que após a pesquisa, você entre em contato com as empresas que você selecionou como as que melhor atendem as necessidades do seu negócio e pedir para realizarem uma demonstração do Sistema, essa etapa é importante para que você consiga avaliar a qualidade do sistema, do atendimento, do suporte e de diversos outros fatores que são importantes referente ao fornecedor.


Como escolher um Sistema ERP bom?


Antes de você inicia a busca pela solução, você deve conhecer o problema, precisa compreender quais são as principais demandas de sua empresa e como esse sistema será utilizado para solucionar os problemas.

Após você entender qual é a demanda da sua empresa e conhecer a fundo os seus processos, você poderá buscar um sistema que atenda as suas expectativas.

  • Analise as suas demandas;
  • Verifique o suporte oferecido;
  • Busque por um fornecedor confiável;
  • Conheça as funcionalidades.

Você sabe quais as vantagens da implantação de um ERP?


São diversos benefícios que serão alcançados por meio da contratação e implantação de um Sistema de ERP em sua empresa. Entre as principais vantagens estão:

  • Padronização da gestão;
  • Diminuição de erros;
  • Redução de custos;
  • Maior controle;
  • Automatização de processos.

Nós da Rentatec contamos com um Sistema de Gestão chamado X-ERP, com ele você não precisa pagar a licença – você apenas paga o aluguel do sistema – o treinamento e a implantação são inclusos no valor e podemos oferecer a manutenção por módulos. Entre em contato com um de nossos especialistas para entender mais dos benefícios que nosso sistema pode oferecer a sua empresa, vamos adorar fazer uma demonstração do X-ERP para você!


X-ERP a escolha inteligente!

Fonte: mxm